O QUE É HIPERTENSÃO?



Hipertensão arterial é a pressão arterial acima de 140x90 mmHg
(milímetros de mercúrio) em adultos com mais de 18 anos, medida em
repouso de quinze minutos e confirmada em três vezes consecutivas e em
várias visitas médicas.

Elevações ocasionais da pressão podem ocorrer com exercícios físicos,
nervosismo, preocupações, drogas,alimentos, fumo, álcool e café.

Cuidados para medir a pressão arterial

Alguns cuidados devem ser tomados, quando se verifica a pressão arterial:

repouso de 15 minutos em ambiente calmo e agradável
a bexiga deve estar vazia (urinar antes)
após exercícios, álcool, café ou fumo aguardar 30 minutos para medir
o manguito do aparelho de pressão deve estar firme e bem ajustado ao
braço e ter a largura de 40% da circunferência do braço,sendo que
este deve ser mantido na altura do coração não falar durante o
procedimento esperar 1 a 2 minutos entre as medidas manguito especial
para crianças e obesos devem ser usados a posição sentada ou deitada é
a recomendada na rotina das medidas vale a medida de menor valor obtido

Níveis de pressão arterial

A pressão arterial é considerada normal quando a pressão sistólica (máxima)
não ultrapassar a 130 e a diastólica (mínima) for inferior a 85 mmHg.
De acordo com a situação clínica, recomenda-se que as medidas sejam
repetidas pelo menos em duas ou mais visitas clínicas.
No quadro abaixo, vemos as variações da pressão arterial normal e
hipertensão em adultos maiores de 18 anos em mmHg:

SISTÓLICA DIASTÓLICA Nível
130 85 Normal
139 89 Normal limítrofe
159 99 Hipertensão leve
160 109 Hipertensão moderada
180 109 Hipertensão grave
140 90 Hipertensão sistólica ou máxima

No Brasil 10 a 15% da população é hipertensa. A maioria das pessoas
desconhece que são portadoras de hipertensão.

A hipertensão arterial pode ser sistólica e diastólica (máxima e
mínima) ou só sistólica (máxima). A maioria desses indivíduos,95%,
tem hipertensão arterial chamada de essencial ou primária (sem causa)
e 5% têm hipertensão arterial secundária a uma causa bem definida.
O achado de hipertensão arterial é elevado nos obesos 20 a 40%,
diabéticos 30 a 60%, negros 20 a 30% e idosos 30 a 50%. Nos idosos,
quase semprea hipertensão é só sistólica ou máxima.

Hipertensão arterial sistêmica

A hipertensão arterial sistêmica é uma doença crônica que,
quando não tratada e controlada adequadamente,
pode levar a complicações que podem atingir outros órgãos
e sistemas.

No sistema nervoso central podem ocorrer infartos, hemorragia
e encefalopatia hipertensiva.
No coração, pode ocorrer cardiopatia isquêmica (angina), insuficiência
cardíaca, aumento do coração e,em alguns casos, morte súbita.
Nos pacientes com insuficiência renal crônica associada sempre ocorre
nefroesclerose.
No sistema vascular, pode ocorrer entupimentos e obstruções das artérias
carótidas, aneurisma de aorta e doença vascular periférica dos membros
inferiores.

No sistema visual, há retinopatia que reduz muito a visão dos pacientes.

Perguntas que você pode fazer ao seu médico

O que é pressão alta?
Qual o nível da minha pressão?
Devo fazer verificação da minha pressão em casa?
O que pode me acontecer se eu não tratar a pressão alta?
Quais os efeitos colaterais do tratamento?